quarta-feira, 9 de maio de 2018

Onitama



Onitama é um jogo abstrato para 2 super desafiador, onde os jogadores vão alternando rodadas usando cartas para realizar movimento com as suas peças na intenção de derrotar o mestre adversário ou de invadir o templo do outro jogador.

O jogo é tão simples que você pode até estranhar. Cada jogador tem cinco peças, quatro aprendizes e um mestre, que em um tabuleiro de 5x5 precisam se movimentar e o que transforma Onitama num jogo brilhante é justamente a forma com que as peças se movem.

Além de brilhante, o jogo ainda é lindo!

Existem no jogo 16 cartas diferente de movimento, no início da partida são distribuídas 2 para cada jogador e uma terceira carta fica a espera, as outras 11 cartas não vão participar daquela partida.

Na sua vez, o jogador escolhe uma das suas cartas, realiza o movimento nela descrito, e após o movimento, troca a carta que ele acabou de utilizar com a carta que estava à espera.

E a grande sacada do jogo está justamente nessa troca de cartas, pois uma vez que você conhece os movimentos possíveis dentro do jogo, fica uma batalha estratégica super acirrada para realizar movimentos em que o adversário não possa realizar um contra-ataque com as cartas que ele possui.

16 cartas : tão simples e tão inteligente que assusta. Foto BGG.

O jogo se desenvolve rodada a rodada até que uma das duas situações já citadas (a captura do mestre ou a invasão do templo) aconteçam, e o jogador que à realizou é o vencedor.

O jogo é de uma simplicidade de regras e de uma profundidade estratégica absurdas, eu realmente fico impressionado quando alguém consegue colocar em um jogo de tão poucos componentes algo tão bacana como é o caso do Onitama.

Duas cartas para cada jogador, e uma na "de fora".

2 comentários:

Rodrigo Motta disse...

Que jogo interessante. Onde encontro para comprar?

Carlos "Cacá" disse...

Esse, só importando mesmo... :(