segunda-feira, 27 de janeiro de 2020

Quilombolas - O Refúgio dos Palmares


Durante o século XVII, os escravos que fugiam dos engenhos de açúcar na área da Serra da Barriga tinham destino certo, o grande Quilombo dos Palmares, e aqui você será a liderança de um grupo de quilombolas tentando trazer mais escravos fugidos para a proteção de Palmares a assim ganhar prestígio dentro do quilombo.

Criado pelo designer Valter Bispo, em Quilombolas - O Refúgio dos Palmares, você vai começar o jogo com presença em quilombos menores que formavam o grande Palmares, quanto mais presença nesses quilombos menores, mais pontos de movimento você terá durante o seu turno.

O jogo funciona em uma série de rodadas, em cada rodada os quilombolas farão suas ações, que basicamente são tentar resgatar escravos fugidos, lutar contra os capitães do mato e tentar ter dominância entre os quilombos menores.

 Os escravos tentam escapar dos engenhos de cana
e nós precisamos ajudá-los a chegar a Palmares.

Depois das ações dos quilombolas, novos escravos começam sua fuga em direção à Palmares e os capitães do mato começam sua busca para tentar evitar essa fuga.

A movimentação dos capitães do mato foi muito bem planejadinha, você tem seis espaços até a segurança de Palmares, só que a ordem dos números é embaralhada no setup inicial do jogo, durante a movimentação rola-se um D6, e a cor dos capitães que se moverão naquele turno, e ele então se move até o número indicado.

Caso ele encontre um fugitivo sozinho no caminho, esse é capturado e volta ao engenho, mas se esse fugitivo estiver já sob a proteção de algum quilombola, rola um conflito resolvido nos dados, pela numeração do espaço onde eles se encontram sabemos a força do capitão do mato.

Se o capitão do mato encontra fugitivos sozinhos
esses são capturados, mas se estão protegidos o bicho pega.

O lance além de salvar os fugitivos, também é conseguir levá-los até Palmares para que eles comecem a fazer presença pelos quilombos menores e ajudarem a sua presença política neles, e isso foi uma sacada muito legal do Valter, mostrar esse lado da estrutura interna de Palmares.

O jogo se desenvolve até que as condições de final de jogo sejam alcançadas, depois disso temos as pontuações pelos objetivos secretos (aqui mais uma vez tendo sido feita uma pesquisa muito legal sobre os personagens da época) e presença nos quilombos menores.

A ideia do Valter é levar o jogo para o financiamento coletivo ainda esse ano por conta própria, mas eu se tivesse uma editora pegava na mão dele para dar uma força, pois o Quilombolas - O Refúgio dos Palmares, tem regras simples, um trabalho de pesquisa bacana, serve como jogo de entrada e é um excelente trabalho sobre esse período histórico brasileiro que algumas pessoas tentam renegar ou diminuir, tipo de tema necessário nos dias de hoje.

O jogo serve para mostrar um pouco da grandiosidades de Palmares
uma sociedade formada por vários pequenos quilombos.

https://www.acessoriosbg.com.br/

Um comentário:

Valter Bispo Jr. disse...

Feliz demais por essa resenha! Obrigado pela jogatina, pela oportunidade e pelas sugestões =D